Administração
+55 41 3420 3526

Comercial
+55 41 3420 3515

Fiscal
+55 41 3420 3561

Operacional
+55 41 3420 3583

RH
+55 41 3420 3577

Siscomex
+55 41 3420 3528

Os manguezais estão entre os ecossistemas mais produtivos e importantes do mundo por funcionarem como verdadeiros "berçários da natureza"
Mais de duas toneladas de lixo foram recolhidas das áreas de mangues existentes em Paranaguá nesta quinta-feira (26). A ação – coordenada pela Administração dos Portos de Paranaguá e Antonina (APPA) – contou com a participação de cerca de 200 voluntários que trabalham nos terminais portuários e foi realizada nas áreas do Rocio, Centro Histórico e comunidades ilhadas de Amparo, Piaçaguera e Eufrasina.

O diretor-presidente da APPA, Lourenço Fregonese, conta que a inciativa tem como objetivo reforçar, na semana do aniversário de Paranaguá, a importância da união e do cuidado de cada um com a cidade. “Reunimos todas as empresas que operam no Porto de Paranaguá neste grande mutirão em prol da cidade e do meio ambiente. Além dos resultados efetivos desta limpeza, fica o exemplo de que juntos somos mais fortes e que toda ação, por menor que seja, faz diferença”, ressaltou.

O mutirão de limpeza feito pela comunidade portuária aconteceu no Dia Mundial de Proteção dos Manguezais (26 de julho) e em comemoração aos 370 anos de Paranaguá (29 de julho). Os manguezais estão entre os ecossistemas mais produtivos e importantes do mundo por funcionarem como verdadeiros “berçários da natureza”.

As áreas de mangues fornecem condições para alimentação, proteção e reprodução de muitas espécies animais. Além disso, os mangues são responsáveis pela estabilização da linha costeira contra ações erosivas e também ajudam a minimizar os efeitos das mudanças climáticas. “Os manguezais dependem do equilíbrio ecológico e esta ação também foi feita para conscientizar as pessoas sobre a importância da sua proteção”, afirmou o diretor de Meio Ambiente da APPA, Bruno da Silveira Guimaraes. “As áreas de mangues têm sofrido impactos com as ações e ocupações do homem, especialmente no que se refere a contaminação por esgoto e resíduos”, completou.

Fernando Pereira dos Santos, gerente de saúde, segurança, proteção ambiental e qualidade da Cattalini enfatizou que a ação de limpeza mostra a real força das empresas que formam este grupo. “Aqui da Cattalini, por exemplo, foram mais de 20 pessoas. Inovamos com um grupo que foi de caiaque até a Ilha do Amparo. Além do impacto ambiental, a atividade serve para conscientizar e mobilizar todas as empresas, colaboradores e toda comunidade local para a importância da participação e contribuição de cada um para a sustentabilidade”, declarou.
Assessoria de Comunicação
imprensa@cattaliniterminais.com.br