Administração
+55 41 3420 3526

Comercial
+55 41 3420 3515

Fiscal
+55 41 3420 3561

Operacional
+55 41 3420 3583

RH
+55 41 3420 3577

Siscomex
+55 41 3420 3528

Para garantir a segurança sanitária e evitar a contaminação da COVID-19, todas as peças arrecadadas na Campanha do Agasalho foram lavadas, passadas e embaladas individualmente

Famílias que vivem em condição de vulnerabilidade social, cadastradas no Santuário do Rocio, e também as atendidas pela Associação Casa Missionária (ACM), localizada na Vila Santa Maria, em Paranaguá, serão beneficiadas com as peças arrecadadas na Campanha do Agasalho 2020. A iniciativa mobilizou uma verdadeira corrente de solidariedade e arrecadou mais de 6 mil peças (entre roupas, calçados e cobertores) durante quase um mês de ação.

Entre as beneficiadas está a família da dona de casa Maria de Fátima Souza Lima, moradora do Vila Rute. Há poucas semanas, a residência onde ela e seus filhos moravam foi destruída em um incêndio. Para reconstruir a casa, a Cattalini Terminais Marítimos doou os materiais e os amigos e vizinhos estão unidos em um mutirão no canteiro de obras. Ontem, quarta-feira, (17) ela recebeu agasalhos e cobertores.

“Estou muito feliz porque eu e meus filhos precisamos muito da ajuda de todos. Temos recebido muito apoio e agradeço a Deus pela força para conseguir enfrentar essa dificuldade. Hoje estou recebendo agasalhos para enfrentar o frio e sei que muita gente também será ajudada neste momento”, declarou.

A Campanha do Agasalho reuniu o grupo de voluntários da Cattalini Terminais Marítimos, colaboradores da empresa portuária Rocha, a Associação de Surf de Paranaguá (Aspar) e o Santuário Estadual de Nossa Senhora do Rocio. Foram pelo menos quinze pontos de arrecadação distribuídos pela cidade.

"Essa é a sétima edição da nossa campanha do agasalho e, neste ano, tivemos o apoio das empresas portuárias e do santuário do Rocio. Estamos muito felizes com o resultado da campanha porque tivemos um engajamento grande e essas doações vão ajudar muitas pessoas que precisam. Agradeço a todos os envolvidos que fizeram essa ação social ficar mais forte ainda", frisou o presidente da Aspar, Osmar Soares, também vice-presidente da Federação Paranaense de Surf (FPS).

A colaboradora da Cattalini, Angela Bahry, integrante do grupo de voluntários, destacou a importância de mais empresas unirem-se à causa social. “É uma grande satisfação termos conseguido tantas doações. Uma campanha como essa mostra que as empresas precisam olhar para a sua função social e desenvolver iniciativas neste sentido, porque traz resultados positivos para toda a comunidade”, salientou.

Para o coordenador de Responsabilidade Social da empresa portuária Rocha, Tiago Haus, o importante foi a união entre as organizações locais. “Essa união é fundamental para podermos ajudar as pessoas que são mais vulneráveis e estão precisando desses agasalhos, principalmente, nesse período de inverno”, comentou.

Para garantir a segurança sanitária e evitar a contaminação da COVID-19, todas as peças arrecadadas na Campanha do Agasalho foram lavadas, passadas e embaladas individualmente.

“Estamos muito contentes por termos participado dessa campanha. Parabenizo as empresas pelo trabalho de arrecadação e também de higienização das peças, uma demonstração de carinho e respeito, realmente um exemplo muito positivo, porque entregam as doações com qualidade e zelo pelo próximo. Participar desde projeto foi especial para nós e estamos prontos para novos projetos futuramente”, destacou o padre Dirson Gonçalves, Reitor do Santuário de Nossa Senhora do Rocio.

Assessoria de Comunicação
imprensa@cattaliniterminais.com.br