Administração
+55 41 3420 3526

Comercial
+55 41 3420 3515

Fiscal
+55 41 3420 3561

Operacional
+55 41 3420 3583

RH
+55 41 3420 3577

Siscomex
+55 41 3420 3528

Cerca de 150 crianças participam das oficinas de capoeira, oferecidas  gratuitamente para alunos das escolas “Randolfo Arzua”, “Costa e Silva”, “Bento Munhoz da Rocha”, “Caic” e a Escola do Campo, na localidade de Amparo
Paranaguá será o palco do “X FESTIVAL NACIONAL DA ARTE CAPOEIRA”. Nos dias 06, 07 e 08 de dezembro o festival tomará conta da cidade com diversas atividades em um final de semana cheio de arte, esporte, dança, música e muita brasilidade. A programação contará com shows, oficinas de capoeira, caminhada ecológica e batizado com troca de cordas.
O festival vai contar com a presença do Mestre Camisa, fundador da ABADÁ- Capoeira que há mais de 30 anos forma capoeiristas em todo o mundo. 
O evento tem o incentivo da Cattalini Terminais Marítimos e é resultado de uma parceira existente há mais de dois anos com o projeto "Crianças aprendem o que vivenciam". A iniciativa promove aulas gratuitas de capoeira para cerca de 150 crianças de cinco escolas públicas de Paranaguá, oferecidas no contraturno escolar: Colégio Estadual “Bento Munhoz da Rocha Neto”, Escola Municipal “Randolfo Arzua”, Escola Municipal “Presidente Costa e Silva”, Escola Municipal “Rosiclair Silva Costa” e Escola do Campo Amparo.  
O projeto tem o objetivo de incentivar a construção da cidadania, pelo exercício da afetividade, cooperação, da não violência e do aumento da autoestima. Também possibilita ao aluno a aquisição e o aprimoramento de confiança, equilíbrio emocional e desenvolvimento psicomotor.

PROGRAMAÇÃO
Na sexta-feira, dia 06 de dezembro, às 19h, o Festival iniciará com uma oficina ministrada pelo Mestre Camisa, na Associação de Funcionário da Cattalini. Logo em seguida, às 20h, será realizada a abertura oficial do evento no Museu de Arqueologia e Etnologia da UFPR, com apresentações de capoeira e a presença do Mestre Camisa para um bate-papo muito especial sobre a capoeira e seu contexto.
No sábado, às 10h, a praça Mário Roque será o ponto de encontro para a caminhada ecológica no centro histórico da cidade. A partir das 14h serão ministradas oficinas de capoeira na praça Mário Roque e às 19h acontecerá show cultural no Museu de Arqueologia e Etnologia da UFPR. No domingo, às 10h será o encerramento do festival com o batizado e troca de cordas das crianças e adolescentes do projeto “Crianças aprendem o que vivenciam”. Toda a programação do festiva será gratuita.








Assessoria de Comunicação
imprensa@cattaliniterminais.com.br